24 de outubro de 2021 - SOCIEDADE DE CARDIOLOGIA DO ESTADO DE SÃO PAULO
COMPARTILHE:                          COMPARTILHE:

As doenças cardiovasculares são causas progressivas de mortes na população feminina. Em 2017, o total de óbitos de mulheres por Acidente Vascular Cerebral foi de 50 mil, equiparando-se ao dos homens, e por infarto, 45 mil. Respostas ao problema poderão ser constatadas no primeiro dia do Congresso da Socesp, 31 de maio, no Transamérica Expo Center, na capital paulista.

Nos últimos anos, a mulher vem ocupando grande espaço no mercado de trabalho, o que a leva a uma dupla ou tripla jornada de trabalho, considerando a sua atenção também com as tarefas domésticas e os cuidados com os filhos. Além disso, elas estão cada vez mais expostas a fatores de risco, como o uso de anticoncepcionais, tabagismo, álcool, diabetes e hipertensão, o que tradicionalmente não era comum. 

 Segundo o neurologista e membro da Socesp Dr. Alexandre Pieri, “a incidência das doenças cardiovasculares nas mulheres é menor do que em homens, mas quando já adoecida, a chance do óbito é maior, principalmente quando associado à idade”. O especialista explica que, ao atingir a menopausa, a mulher diminui a produção de estrogênio, um grande aliado do coração. Este hormônio estimula a dilatação dos vasos, facilitando o fluxo sanguíneo. “É bom que as mulheres estejam sempre atentas aos sintomas de doenças cardiovasculares, pois, muitas vezes, elas se confundem com problemas na coluna, cansaço ou até mesmo dor no braço”, alerta. 

Dentre os fatores de risco de doenças cardiovasculares, estão a hipertensão, sedentarismo, colesterol alto, alimentação irregular, obesidade, estresse, tabagismo, alcoolismo e diabetes. Além disso, realizar exames periódicos, evitar o excesso de sal e álcool, praticar atividades físicas e cuidar de sua saúde emocional são dicas importantes para que a mulher tenha uma vida mais saudável e com menores chances de sofrer um infarto ou AVC. 

Palestras de especialistas

O painel “A doença coronária na mulher” será realizado das 11 às 12h30, no auditório 7 do Transamérica Expo, dia 31 de maio próximo. Quatro especialistas serão os palestrantes, sob a coordenação da médica Carla Janice Baister Lantieri:  

Elizabeth Regina Giunco Alexandre, especialista em Saúde da Mulher no Climatério pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo e médica da Seção de Coronariopatia do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia; Clarisse Kaoru Ogawa Indio do Brasil,  chefe da Seção Médica de Coronariopatias do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia; Antonio de Padua Mansur,  professor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e médico da Unidade Clínica de Coronariopatias Crônicas do InCor-HCFMUSP; e Marcelo José Carvalho Cantarelli, Cardiologista intervencionista, coordena os Serviços de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista dos hospitais Bandeirantes, Leforte e Rede D'Or São Luiz Anália Franco em São Paulo-SP

O congresso

O 39º Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo – Socesp realiza-se nos dias 31 de maio, 1º e 2 de junho, no Transamérica Expo Center, na capital paulista. Reunirá mais de sete mil médicos de todo o Brasil e sua grade de palestras e apresentação de trabalhos inclui alguns dos mais reconhecidos especialistas internacionais e brasileiros da especialidade e disciplinas correlatas. Inscrições permanecerão abertas até 21 de maio.


BUSCA NO SITE

Acesso restrito

Siga-nos

Últimas notícias