26 de setembro de 2022 - SOCIEDADE DE CARDIOLOGIA DO ESTADO DE SÃO PAULO
COMPARTILHE:                          COMPARTILHE:


Sintomas de Infarto

Você sabe quais são os sintomas do infarto? A dor no peito que se estende para o braço é o mais comum, mas existem outros. Saiba aqui.


Como auxiliar em uma parada cardíaca

Se alguém cair na sua frente, com uma parada cardíaca, você vai saber como agir? O primeiro passo é ligar para o 192 e pedir ajuda. Em seguida, iniciar a massagem cardíaca na pessoa. Se elas forem realizadas em até cinco minutos após a parada, a taxa de sobrevida é de 50% a 70%. A SOCESP preparou um vídeo para você aprender o passo a passo para ajudar uma vítima. Tempo é vida!


Aprenda a fazer o boneco de massagem cardíaca

No caso de uma parada cardíaca, a cada minuto que a vítima fica sem atendimento, ela perde de 7% a 10% da chance de sobreviver. Por isso, se você souber fazer massagem cardíaca, você pode salvar vidas. A SOCESP oferece treinamento em massa para a população e ensina a fazer um manequim 10% reciclável, para você treinar as manobras em casa.


Passo a passo: como atender uma vítima em parada cardiorrespiratória

A cada um minuto e meio uma pessoa tem uma parada cardíaca fora do hospital. O atendimento imediato da vítima, com massagem cardíaca, aumenta a chance de sobrevida. Neste vídeo, a SOCESP ensina o passo a passo para o primeiro socorro.


Como fazer um RPC

Você está preparado para atender uma pessoa em parada cardíaca? A SOCESP te ensina as técnicas e passo a passo para te ajudar a salvar vidas.


Simulação Atendimento de Emergência

Há 10 anos, a SOCESP tem um projeto específico para melhorar a qualidade do atendimento do paciente com Infarto Agudo do Miocárdio, baseado nas mais recentes diretrizes, nacional e internacional. O atraso do reconhecimento dos sintomas, pelo paciente ou pelos familiares, piora as chances de sobrevida. Já os erros mais comuns no serviço de emergência ocorrem pela demora no diagnóstico e o atraso da terapêutica, aumentando a mortalidade. Confira no vídeo.


BUSCA NO SITE

Acesso restrito

Siga-nos

Últimas notícias