14 de agosto de 2020 - SOCIEDADE DE CARDIOLOGIA DO ESTADO DE SÃO PAULO
COMPARTILHE:                          COMPARTILHE:

PACIENTES COM CARDIOPATIA CONGÊNITA, TRATADOS NA INFÂNCIA, PODEM NÃO NECESSITAR DE NOVOS TRATAMENTOS E LEVAR UMA VIDA PRATICAMENTE NORMAL.

“Pacientes com cardiopatia congênita, tratados na infância, podem não necessitar de novos tratamentos e levar uma vida praticamente normal.” A afirmação foi da cardiologista Ieda Biscegli Jatene, durante o Congresso Virtual da SOCESP. Segundo a especialista, os avanços no diagnóstico clínico, bem como a incorporação de novos métodos, a evolução nas técnicas cirúrgicas e o tratamento por cateterismo, além dos cuidados no pós-operatório tanto logo após o procedimento cirúrgico como ao longo da vida, permitem que 80 a 85% dos pacientes tratados na infância cheguem à idade adulta.

#socesp #congressovirtualsocesp #cardiopatiacongênita

BUSCA EM NOTÍCIAS




Siga-nos